Camisas do Palmeiras

Tranqüilo, Kléber nega agressão e estranha postura de André Dias


18/03 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 9:03 pm |Permanlink|

Não acredito que vá ser punido por 120 dias e, se acontecer, será uma injustiça muito grande. Isso acontece em todo o jogo e não merece tanto tumulto. Tínhamos que dar mais prioridade para o jogo em si, a vitória do Palmeiras e os lances”.

Com esse desabafo, o atacante Kléber, do Palmeiras, negou o que as imagens da televisão vêm mostrando insistentemente e garantiu que não teve a intenção de agredir André Dias, zagueiro do São Paulo, com uma cotovelada, no clássico do último domingo, vencido pelo Verdão por 4 a 1.

Na mira do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Paulista de Futebol e ameaçado com uma punição mínima de 120 dias por agressão (artigo 253 do CBJD), Kléber jurou inocência e alegou que não teve qualquer intenção de agredir André Dias ou outro jogador são-paulino no polêmico lance.

As pessoas que julgam vão ver direito. Senti um braço sobre mim, me puxando, e tentei me desvencilhar. Foi um lance normal. Quem vê com a imagem congelada, do jeito que a televisão mostra, parece agressão, mas sem congelar, ninguém vê nada”, argumentou Kléber.

Estou tranqüilo e de consciência limpa. Tentei me soltar para fazer o gol e não sabia que era o André Dias. Poderia até ser o Diego Souza. Infelizmente acertou, mas não tive a intenção de machucar ou fazer mal a ninguém”, assegurou o camisa 30 palmeirense.

Discurso estranho: Kléber considerou “estranha” a mudança no discurso de André Dias, que voltou dos vestiários afirmando que o jogador do Palmeiras tinha utilizado maldade no lance e que não o desculparia.

O que vale para mim é o que me falou na hora, e ele me desculpou. Ele foi para o vestiário e mudou o discurso. Não sei se algum diretor falou algo ou o que aconteceu, mas aí já não é problema meu”.

Informado que André Dias teria visto o lance pela televisão e, por isso, mudado de atitude, o ex-são-paulino foi irônico. “Todo mundo fala que o São Paulo tem uma estrutura invejável, mas não acredito que já estejam levando televisão para o vestiário, a não ser que o massagista tenha levado uma na bolsa. Não acredito que o André Dias tenha visto o lance na tv. Houve conversa de vestiário e ele mudou de idéia”, reforçou.

O jogador evitou polemizar sobre as declarações de alguns cartolas são-paulinos contra ele após a confusão no clássico, mas deu uma leve estocada no ex-clube. “Você nunca vai perder um jogo e ficar contente. Sempre vão querer colocar a culpa em alguma coisa. Isso é normal no futebol”, finalizou.

Via
: GazetaEsportiva.Net

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.