Camisas do Palmeiras

Traffic inaugura centro de treinamento no interior


11/03 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 1:07 pm |Permanlink|

Hawilla, você não precisa mais de dinheiro.” A frase, inserida no meio do discurso acalorado do amigo Galvão Bueno ao poderoso dono da Traffic, J. Hawilla, 65, durante a inauguração do centro de treinamento e formação de jogadores da empresa, na cidade de Porto Feliz (112 km da capital paulista), arrancou risadas da platéia.

Preciso, sim“, respondeu, emocionado, o empresário, tirando mais sorrisos de alguns dos rostos mais poderosos do esporte brasileiro, como o do presidente da CBF, Ricardo Teixeira, e o do ministro do Esporte, Orlando Silva Jr., que prestigiaram o evento.

Também desembarcou lá, de helicóptero, o governador paulista, José Serra. A cerimônia ainda contou com a cúpula da FPF, Marco Polo Del Nero e Reinaldo Carneiro Bastos.

Enquanto os cartolas cortejavam o novo empreendimento da Traffic, que custou cerca de R$ 18 milhões, os dirigentes dos maiores clubes paulistas foram ausências sentidas.

Somente o Palmeiras, que tem parceria com a empresa, mandou representante, o gerente de futebol, Toninho Cecílio. Na mesma hora, na capital, os presidentes de Corinthians, Andres Sanchez, São Paulo, Juvenal Juvêncio e Palmeiras, Luiz Gonzaga Belluzzo, participavam da inauguração das exposições dos clubes nas estações de Metrô da cidade.

É uma coisa de elevada importância para os clubes“, disse o diretor de futebol são-paulino, João Paulo Jesus Lopes, que é secretário-adjunto dos Transportes Metropolitanos do Estado, que organizou o evento. ‘Nós temos um ótimo relacionamento com a Traffic“, afirmou ele, que não soube dizer o motivo de o clube não enviar representantes ao evento.

O Corinthians também não informou o motivo de não ter mandado ninguém. No Santos, o presidente Marcelo Teixeira costuma evitar esses eventos.

Nós convidamos os quatro grandes“, disse o presidente executivo da Traffic, Júlio Mariz. ‘Mas temos uma relação ótima com todos os clubes.

A inauguração da Academia Traffic deve deixar o mercado ainda mais difícil para os clubes. O local, de 156 mil metros quadrados, tem cinco campos oficiais, alojamento para 114 jogadores, salas de fisioterapia, musculação, fisiologia, piscina e refeitório para servir até 800 refeições por dia.

Nasce aqui o primeiro clube essencialmente empresa do Brasil. Acho que vamos ser um modelo, embora não tenhamos pretensão de sermos modelo de nada, porque o futuro pede a profissionalização do futebol“, declarou Hawilla.

A Traffic, maior agência de marketing esportivo do país, é ao lado da DIS, do grupo Sonda, o principal investidor do futebol brasileiro. No ano passado, administrou fundo de investimento de R$ 40 milhões e criou outro neste ano com o mesmo valor. Tem um time no país, o Desportivo Brasil, que atua nas categorias de base (sub-15 até sub-20).

Via: UOL Esportes

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.