Camisas do Palmeiras

TJD-SP adia julgamento do gás no Palestra Itália


28/04 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 9:48 pm |Permanlink|

Não foi desta vez que o caso do gás lançado no Palmeiras teve seu fim. O Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu adiar o julgamento, que seria realizado nesta segunda-feira, para o próximo dia 5 de maio, um dia depois da decisão do Campeonato Paulista, que será disputada com a Ponte Preta no mesmo polêmico Palestra Itália.

Assim, o Palmeiras se livra da possibilidade de ter sua casa interditada pela entidade antes da decisão do torneio estadual, uma vez que foi denunciado pelo artigo 213 (Deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

O TJD, porém, se defende afirmando que o clube da Barra Funda não perderia o direito de decidir em casa mesmo se fosse punido no julgamento. Segundo a entidade, não haveria tempo de notificar o clube da decisão tomada e por isso o estádio não correria o risco de ser interditado.

De qualquer forma, se for punido no julgamento da semana que vem, na Federação Paulista de Futebol (FPF), o Palmeiras pode ser obrigado a pagar uma multa que pode variar de R$ 1 mil a R$ 200 mil, além de poder perder o mando de campo de uma a 10 partidas.

Por que não? – O adiamento do julgamento, que aconteceria no fim da tarde desta segunda-feira, foi justificado pelo procurador do TJD-SP, Antônio Meccia. Segundo ele, o Palmeiras não conseguiu preparar a defesa a tempo e pediu para que a entidade remarcasse a decisão.

Eles (Palmeiras) alegaram que não tiveram tempo para formular a defesa. Por isso, o julgamento vai acontecer na próxima sessão, na semana que vem”, comentou o procurador a GE.Net, antes de confirmar que, caso seja punido, o Palmeiras só cumprirá as perdas de mando de campo no próximo Campeonato Paulista.

Via: GazetaEsportiva.Net

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.