Camisas do Palmeiras

Palmerias busca recorde e ponta isolada contra a Portuguesa


26/03 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 12:16 pm |Permanlink|

Pouco mais de dois anos depois do último duelo entre as equipes, ocorrido em março de 2006 e vencido pelo Verdão por 2 a 1, Palmeiras e Portuguesa voltam a se enfrentar nesta quarta-feira, às 21h45, no Palestra Itália, em um jogo que terá caráter de decisão para ambos na busca pela classificação às semifinais.

O Verdão entrará em campo buscando a liderança isolada da competição, que poderá chegar momentaneamente até com um empate, já que o Guaratinguetá, que tem os mesmos 31 pontos na tabela, entrará em campo somente na quinta-feira, quando terá pela frente o Mirassol.

Outro objetivo palmeirense no jogo é igualar um recorde alcançado em 2006, quando a equipe ainda era comandada por Emerson Leão. Na ocasião, o time venceu sete partidas consecutivas, sendo cinco pelo Paulista (Ituano, Marília, São Bento, Mogi Mirim e Portuguesa Santista) e duas pela pré-Libertadores, ambas contra o Deportivo Táchira, da Venezuela.

Até o momento, Luxa já levou a equipe a uma seqüência de seis vitórias (Cene, Corinthians, Bragantino, Ponte Preta, São Paulo e Paulista) e os jogadores esperam por mais contra o time do Canindé.

Nosso plano é sempre vencer e, respeitando os adversários, iremos entrar no nosso ritmo, buscando o objetivo da classificação”, prometeu o zagueiro Gustavo, que não terá ao seu lado nesta quarta o companheiro de costume, Henrique, convocado por Dunga para o amistoso da seleção brasileira contra a Suécia, em Londres.

Além de Henrique, o técnico Wanderley Luxemburgo não terá na equipe o atacante Kléber, julgado na segunda-feira pela cotovelada em André Dias, do São Paulo, e punido pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Paulista com três jogos de suspensão.

Qualquer jogador que vive um grande momento faz falta, mas já vivemos isso com Valdívia e Diego Souza e temos atletas de qualidade para substituí-lo”, comentou Gustavo, lembrando que, com Kléber em campo, o Palmeiras detém 100% de aproveitamento, com seis vitórias nos últimos seis jogos.

O técnico Wanderley Luxemburgo não confirmou quem serão os escolhidos para entrar na equipe, mas montou o Alviverde no último coletivo sem surpresas, com David substituindo Henrique na defesa e Denílson formando dupla de ataque com Alex Mineiro.

Se o Palmeiras lamenta a perda de um goleador, a Lusa não fica atrás. Punido com o terceiro cartão amarelo no empate por 3 a 3 diante do Rio Preto, o experiente Christian terá de cumprir suspensão automática, assim como o zagueiro Bruno Rodrigo.

A suspensão de sua referência de ataque para uma partida que poderá ser decisiva na manutenção do sonho de chegar ao G-4, irritou o técnico Vágner Benazzi. “Isso é o efeito Palmeiras, pois esse cartão tirou o Benazzi do clássico”, comentou o treinador, ainda no gramado de São José do Rio Preto.

Apesar do mistério, as opções do comandante lusitano não são tão grandes para ocupar os lugares do zagueiro e do atacante, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Na zaga, Halisson, por estar mais acostumado a jogar pelo lado direito, sai na frente na disputa com Júlio Santos.

Já no setor ofensivo, Christian, artilheiro rubro-verde na temporada com quatro gols (três deles no Paulistão), tem seu posto disputado por Vaguinho, que voltou recentemente após cumprir suspensão por doping, e Leandro Carrijo, contratado no início do ano. Quem tem presença garantida é Rogério, que também já balançou as redes por quatro vezes em 2008.

No restante da escalação, nenhum novidade: André Luiz atua no gol, Patrício aparece na lateral-direita, Marco Aurélio compõe a zaga e Bruno Recife fecha a defesa pela esquerda; no meio-campo, Dias Erick e Carlos Alberto continuam com a companhia de Ramón, substituto do lesionado Preto.

E é nesse time que o torcedor deve apostar para bater o Palmeiras e tirar a Portuguesa da décima colocação do Estadual. A três rodadas do final da primeira fase, o clube do Canindé está a cinco pontos do quarto colocado Corinthians.

Confirmado no time, o goleiro André Luiz não quer saber de vacilos diante do co-líder do Paulistão. “Nós precisamos redobrar a atenção. Sabemos que vamos enfrentar uma grande equipe, que jogará em casa e evoluiu demais dentro da competição. Será mais um jogo difícil, mas vamos em busca da vitória”, prometeu o camisa um.

FICHA TÉCNICA:
PALMEIRAS X PORTUGUESA

Local: Estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 26 de março de 2008 (quarta-feira)
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: José Henrique de Carvalho (SP)
Assistentes: Maria Eliza Correia Barbosa e Hilton Francisco de Melo (SP)

PALMEIRAS: Marcos; Élder Granja, Gustavo, David e Leandro; Pierre, Léo Lima, Valdívia e Diego Souza; Denílson e Alex Mineiro
Técnico: Wanderley Luxemburgo

PORTUGUESA: André Luiz; Patrício, Hallison (Júlio Santos), Marco Aurélio e Bruno Recife; Dias, Erick, Carlos Alberto e Ramon; Rogério e Vaguinho (Leandro Carrijo)
Técnico: Vágner Benazzi

Via: GazetaEsportiva.Net

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.