Camisas do Palmeiras

Palmeiras empata com Rosário Central na Libertadores 2016


07/04 Publicado em Notícias do Palmeiras por Renata ás 10:48 pm |Permanlink|

O Palmeiras continua vivo na Libertadores. Mas já não depende apenas das próprias forças. O que decretou isso foi o empate por 3 a 3 com o Rosario Central, nesta quarta-feira, na Argentina. Aliás, que jogão! O Verdão, com dois de Gabriel Jesus e um de Barrios, chegou a ceder a virada, mas teve forças para buscar um heroico empate, com um a menos (Gabriel Jesus foi expulso). O time de Cuca teve ainda duas bolas na trave. Não merecia mesmo perder.

Palmeiras empata com Rosário Central na Libertadores 2016

A partida em Rosário foi marcada pelo nervosismo. Gabriel Jesus marcou dois gols ainda no primeiro tempo e acabou expulso de campo na etapa final após se envolver em uma confusão. O time alviverde viu o Rosario virar a partida aos 21 minutos, com Marco Rubén, de pênalti, mas chegou ao empate com Lucas Barrios mesmo com dez jogadores em campo.

Mas a situação do Verdão poderia ser pior. O time acertou a trave duas vezes e ficou na frente do placar com gols de Gabriel Jesus, aos quatro e aos 44 minutos do primeiro tempo. Mas o Rosario alcançou o empate em ambas as oportunidades, aproveitando erros da defesa alviverde, com Robinho desviando cobrança de falta de Donatti, aos 32 da etapa inicial, e Cervi, aos cinco do segundo tempo.

Para avançar às oitavas de final da Taça Libertadores da América, o Palmeiras precisa vencer a partida de quinta-feira, dia 14, em casa, contra o River Plate-URU, e ainda torcer por combinação de resultados.

Com o resultado, o Palmeiras se manteve na terceira colocação do Grupo 2, com cinco pontos. Na semana que vem, no Allianz Parque, o time receberá o River Plate-URU precisando vencer. Além disso, a equipe dependerá do resultado entre Nacional e Rosario.

Até que a bola aérea salvou o Verdão de novo. Aos 31 minutos, Egídio cobrou falta e Barrios passou nas costas da zaga, finalizando com força para vencer Sosa e empatar a partida, aos 31 minutos. Depois disso, o Palmeiras lutou contra o próprio cansaço para somar algum ponto. E ainda teve Fernando Prass superando cãibras para sair nos pés de José Fernández, evitando a derrotas nos acréscimos.

Fonte: Globo Esporte.

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.