Camisas do Palmeiras

Palmeiras confia na torcida do Cruzeiro para ser vice-líder


10/09 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 12:10 pm |Permanlink|

Que o Palmeiras tem sofrido neste Campeonato Brasileiro quando enfrenta torcidas adversárias fora de casa não é novidade. Neste domingo, no entanto, é exatamente a reação das arquibancadas rivais que se torna arma para o time assegurar a quarta vitória longe do Palestra Itália. Os ex-cruzeirenses do elenco alviverde apontam aos colegas os benefícios da impaciência mineira no duelo que vale a vice-liderança.

É sempre difícil jogar lá. Mas, se marcamos forte, a torcida se irrita e se volta contra eles. A torcida do Cruzeiro é assim, tem essa característica impaciente. Se em 20 minutos não faz gol, não joga bem, já começam a cobrar”, contou Martinez, que defendeu a Raposa de 2003 a 2006.

À frente da equipe celeste na temporada mais vencedora do clube, Wanderley Luxemburgo também parece lembrar bem das cobranças que ouviu mesmo conquistando o Mineiro, a Copa do Brasil e o Brasileiro de 2003. Por isso, montou o time no 3-5-2, buscando bloquear a velocidade do time de Adilson Batista. Estratégia aprovada por quem foi comandado por ele em Belo Horizonte.

O nosso segredo para sair do Mineirão com a vitória é marcar forte, impedir os contra-ataques e se aproveitar do nervosismo deles e da torcida”, pregou Martinez. “Tem que ter inteligência. Os adversários enfrentam a gente no Palestra Itália jogando fechados e dificultam. Nós não vamos jogar fechados, mas vamos segurar a bola, ter paciência. Ainda mais em um jogo decisivo como esse, a torcida vai ficar impaciente mesmo”, previu Leandro, atleta cruzeirense de 2002 a 2004 e 2006.

Com esta forma de jogo, o Verdão pretende repetir os jogos que considera “modelos” para se vencer fora de casa: os 2 a 0 aplicados sobre o Vasco em São Januário e os 2 a 1 diante do Atlético-PR na Arena da Baixada. Coincidentemente, contra duas equipes que também contam com uma torcida impaciente.

Jogamos muito bem contra Atlético-PR e Vasco fora de casa. Só vencemos três fora, temos que melhorar esse percentual. E nada melhor do que continuar neste ritmo no Mineirão”, animou-se Martinez. “Palmeiras e Cruzeiro, na nossa casa ou no Mineirão, é sempre um grande jogo. Domingo não vai ser diferente”, encerrou o camisa 11.

Via: GazetaEsportiva.Net

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.