Camisas do Palmeiras

Palmeiras acha difícil, mas não descarta reforços ainda em 2008


06/09 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 6:51 pm |Permanlink|

A lesão de Jéci diminuiu ainda mais as opções na criticada defesa palmeirense. A torcida, no entanto, não deve esperar por reforços. Mesmo com a possibilidade de poder inscrever mais jogadores em setembro, os diretores consideram difícil a possibilidade de contratações para este Brasileiro.

Não acredito que o Wanderley (Luxemburgo, técnico) vai pedir outro zagueiro já para este ano. Estamos procurando reforços em muitas posições, mas para o ano que vem. Até porque, com a janela européia fechada e a maioria dos bons jogadores da Série A já com mais de sete jogos, nossas únicas opções estão na Série B”, informou o gerente de futebol Toninho Cecílio, sem, no entanto, garantir que o elenco atual será mantido.

Não posso nunca dizer que o grupo está fechado. O futebol é dinâmico e estamos sujeitos a lesões, por exemplo, como a do Jéci. Acho difícil, mas não posso dizer que não vamos contratar mais ninguém neste ano”, admitiu o dirigente. Para 2009, Marquinhos, do Vitória, e Cleiton Xavier, do Figueirense, estão garantidos.

A zaga é o setor mais carente do elenco alviverde. Para enfrentar o Cruzeiro em 14 de setembro, seu próximo compromisso no Campeonato Brasileiro, Luxemburgo deve promover a volta de Gladstone para atuar ao lado de Gustavo. Na reserva, como David segue machucado, os jovens Maurício e Paulo Miranda são as únicas opções.

Recentemente, o nome de Xandão, do Guarani, foi comentado como possível reforço no Palestra Itália para esta temporada. A Traffic, parceira do clube, adquiriu parte dos direitos econômicos do jogador, mas os campineiros não abrem mão de seu jogador até o final da Série C. E os palmeirenses asseguram que o defensor não está nos planos.

Enquanto ninguém chega, a ordem na equipe é apoiar os zagueiros, criticados principalmente pelas falhas na bola aérea, que causaram 48% dos gols sofridos pela equipe no Nacional. Zagueiro do Palmeiras nos anos 80 e 90, Toninho Cecílio faz a defesa dos jogadores.

Vou um pouco contra a corrente e digo que temos bons zagueiros, só precisamos encontrar um equilíbrio principalmente na bola aérea. Mas isso não é só a zaga, também depende muito dos jogadores de meio”, apontou o dirigente, assegurando tranqüilidade mesmo depois da derrota de quinta-feira para o Sport, no Parque Antártica.

Não se pode dizer que está tudo errado. Contra o Sport, tivemos um dia ruim, como o Grêmio e o Cruzeiro também vão ter. Só não podemos estender esse dia ruim, precisamos de uma reação rápido”, cobrou o gerente de futebol.

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.