Camisas do Palmeiras

Marcos volta, mas Palmeiras dá vexame contra o líder


06/02 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 11:13 pm |Permanlink|

Depois de duas derrotas consecutivas e três jogos sem vencer no Paulistão, o técnico Wanderley Luxemburgo radicalizou e mudou meio time do Palmeiras para o confronto contra o Guaratinguetá, líder da competição, nesta quarta-feira, em São José do Rio Preto.

Léo Lima estreou, David entrou na zaga, Wendel na ala direita e Valdívia no ataque, mas a principal mudança foi a volta de Marcos ao gol após 331 dias de ausência. O retorno do pentacampeão, no entanto, não foi suficiente para dar um jeito na equipe, que deu vexame mais uma vez e perdeu a terceira partida seguida no Paulistão: 3 a 0.

A bola parada, algoz do Verdão nas últimas rodadas, deu o tom novamente, mas, desta vez, não pelo alto. Em duas infrações cometidas por Pierre, Michael, de pênalti, e Alê, de falta, abriram vantagem ainda no primeiro tempo. Na etapa final, o mesmo Michael completou o placar.

Com o resultado, o time de Wanderley Luxemburgo segue estacionado com oito pontos na tabela e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento, desde que São Caetano, Santos e Sertãozinho vençam seus duelos desta quinta-feira. O Guará, por sua vez, chegou sexta vitória seguida na competição e segue líder isolado do Paulistão.

Nesta quarta, o Palmeiras começou a partida a todo vapor e por pouco não abriu o placar logo aos 12 segundos, em rápida investida de Valdívia pela ponta esquerda, mas o chute acabou encontrando as redes pelo lado de fora.

Quem quase tirou o zero do placar, no entanto, foi um zagueiro: Henrique. Depois de boa trama ofensiva, a bola foi rolada para trás e o ex-defensor do Coxa encheu o pé, obrigando Fábio a fazer linda intervenção. O goleiro do Guará trabalhou novamente com competência em cabeçada de Gustavo, evitando a abertura do marcador.

Marcos, por sua vez, era mero espectador até os 29 minutos, quando o Guaratinguetá finalmente encaixou seu primeiro contra-ataque no jogo. Lançado em velocidade, Dinei invadiu a área e dividiu com Marcos. O árbitro Rodrigo Braghetto, no entanto, marcou pênalti de Pierre, que chegou por trás e empurrou o camisa nove. Na cobrança, Michael não deu chances para o pentacampeão: 1 a 0.

O Palmeiras partiu com tudo em busca do empate, mas, em novo contra-ataque, sofreu o segundo golpe letal: Pierre, mais uma vez, cometeu falta, desta vez na entrada da área. Com perfeição, Alê colocou por cima da barreira e superou Marcos, ampliando a vantagem do líder do Paulistão.

No segundo tempo, Luxemburgo abriu mão do esquema com três zagueiros, sacando Gustavo para a entrada do atacante Lenny. Logo na primeira pontada, o ex-jogador do Flu encontrou Alex Mineiro em boa posição para arrematar, em cima de Fábio. Bem na partida, o jogador quase marcou um golaço, de bicicleta, mas acertou a rede pelo lado de fora.

Toda a pressão palmeirense, que ainda mandou a campo Makelele e o estreante Jorge Preá, em busca do primeiro gol esbarrou na boa marcação do Guaratinguetá e nas defesas de Fábio, intransponível. Para piorar, em mais um contra-ataque, Michael aproveitou bate e rebate da defesa para matar o jogo: 3 a 0 e gritos de “timinho, timinho” para o Alviverde.

Na próxima rodada, o Palmeiras atuará novamente “em casa”, sábado, s 20h30, diante do Guarani. Já o Guaratinguetá lutará pela sétima vitória seguida na terça-feira, contra o Rio Claro, fora de casa.

Via: GazetaEsportiva.Net

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.