Camisas do Palmeiras

Luxemburgo diz que fica e volta a falar em arrancada no Brasileirão 2008


16/06 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 12:23 am |Permanlink|

As constantes especulações sobre o mercado de treinadores no futebol – que ganharam força após a confirmação da saída de Luiz Felipe Scolari da seleção portuguesa após a Euro-2008 – passaram a irritar o técnico Vanderlei Luxemburgo.

Na coletiva de imprensa após a goleada sobre o Cruzeiro por 5 a 2, o comandante palmeirense demonstrou muita irritação quando questionado sobre dois fatores – se ele se sentiu desprestigiado com uma possível indicação por parte de Scolari de Mano Menezes e Zico para substituí-lo e se seu nome foi sondado para assumir o Fenerbahce.

É brincadeira ter que responder isso aí. Toda pergunta procede, infelizmente ela procede. Fazer o que, faz parte”, disse, em uma das respostas. Na outra, ameaçou até não falar mais sobre o assunto, para não dar margem a boatos. “Dificilmente eu sairei daqui. Meu contrato é muito bom, o projeto que eles me ofereceram é maravilhoso“, justificou.

Sobre o desempenho do time nesta quinta-feira, Luxemburgo fez elogios, mas criticou a apatia no final do jogo, quando o Palmeiras foi amplamente superior ao Cruzeiro, mas na sua visão poderia ter sido mais agressivo e buscado mais gols.

Poderíamos ter sido mais decisivos. Não jogamos aquele futebol maravilhoso que estamos acostumados e deixamos a desejar em alguns momentos. No toque de bola, na armação das jogadas, na marcação. É preciso ter inteligência, e isso ainda faltou“.

O técnico palmeirense voltou a repetir o discurso dito depois da derrota contra o Sport ao declarar que o Palmeiras vai crescer muito no Brasileirão, mas já prepara seus jogadores para um eventual “oba-oba” da opinião pública pelo resultado elástico contra o Cruzeiro.

A imprensa é muito pontual. Quando perdemos para o Sport, sobraram críticas e cobranças. Agora vencemos, e o cenário mudou. O futebol é assim, não muda. As análises serão sempre as mesmas dependendo dos resultados e temos que estar acostumados com isso. Mas eu e meu elenco jamais vamos deixar que comentários externos atrapalhem”, encerrou.

Já o meia Diego Souza espera que a equipe mantenha o bom ritmo contra o Vasco, no dia 22 de junho, em São Januário. “Espero que a vitória sirva para crescermos na competição. Não adianta ser brilhante agora e ficar apático depois contra o Vasco“, alertou.

Via: UOL Esporte

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.