Camisas do Palmeiras

Luxemburgo celebra sucesso estratégico e Jogadores do Palmeiras destacam “Empenho de Libertadores”


30/04 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 1:25 am |Permanlink|

O vestiário do Palmeiras após a vitória por 1 a 0 sobre o Colo Colo era um ambiente de euforia e muita festa. Afinal, o time paulista fez um gol aos 41 minutos do segundo tempo e conseguiu a classificação para as oitavas-de-final da Libertadores 2009. O técnico Vanderlei Luxemburgo começou a partida com Wendel na lateral direita e Souza no meio, para ajudar na marcação. Na segunda etapa, optou por Willians pela direita, mas não contava com a expulsão de Marcão. Estrategicamente, deixou o jogo correr e contou com a bomba de Cleiton Xavier.

Ele (Cleiton) bate na bola como poucos e tem que arriscar mais. O problema é que tínhamos combinado de caminhar junto com a equipe deles, sem nos expor. E a expulsão do Marcão me pegou de surpresa. O que ia fazer? Mas não faço as substituições seguidamente. Deixei o jogo caminhar e depois meti o Ortigoza, enquanto eles administravam o resultado. Deu certo e estamos felizes – comemorou o treinador.

Foi uma vitória da superação. É difícil vir ao Chile com o estádio lotado, precisando da vitória e fazer isso. A equipe se entregou e não se desesperou. Tivemos força de vontade e nos classificamos por isso. Na Libertadores tem que ser assim“, celebrou o volante Pierre.

O Palmeiras empatava o duelo e estava eliminado da Libertadores até Cleiton Xavier acertar um lindo gol de fora da área aos 42min do segundo tempo. De acordo com o jogador, o chute premiou o trabalho e a preparação realizada pelo time até esta quarta.

Foi justo por tudo o que fizemos. Trabalhamos duro, com um propósito e saímos vitoriosos. Lembramos do trabalho e do sacrifício que tivemos e foi merecido. Estamos na briga pelo título“, comemorou Cleiton Xavier depois de ser ovacionado por todo o grupo alviverde.

Na fase de grupos, o Palmeiras acumulou duas derrotas, uma delas para o Colo Colo, no Palestra Itália, por 3 a 1. Este resultado e a eliminação das semifinais do Paulista, diante do Santos, tornaram a equipe desacreditada, explicou Luxa. Mas o time soube dar a volta por cima.

Via: GloboEsporte.com e UOL Esportes

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.