Camisas do Palmeiras

Denílson admite que gostaria de ficar no Palmeiras em 2009


23/12 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 2:37 pm |Permanlink|

O atacante Denílson esteve na Academia de Futebol do Palmeiras na última segunda-feira para limpar o seu armário. Ele não defenderá o Verdão na próxima temporada, mas fez questão de agradecer o apoio recebido pelos torcedores e do clube ao longo de 2008.

Sou muito grato ao Palmeiras por tudo o que aconteceu. O clube me abriu às portas e acreditou no meu futebol. Foi um ano maravilhoso, de conquistas pessoais e profissionais. Posso dizer com muito orgulho e carinho que o Palmeiras está no meu coração – diz Denílson, em entrevista concedida ao site oficial do clube.

O jogador, que vem participando de alguns jogos beneficentes, admitiu que gostaria de ter continuado no Palmeiras, mas reconheceu que a sua saída faz parte do futebol.

Por tudo o que eu passei e pela estrutura do clube, gostaria de ter ficado. O Palmeiras é um clube fantástico para trabalhar. O ambiente é ótimo. Mas a minha não continuidade não vai fazer eu gostar menos do clube ou dos dirigentes, pelo contrário. Sempre existiu muita transparência, e a minha saída faz parte do jogo. Só tenho a agradecer – afirma o atacante.

Denílson contou que a maior emoção no período em que atuou com a camisa alviverde foi ver a torcida gritando o seu nome durante os jogos.

Eu joguei no São Paulo, um clube rival, durante muitos anos e tinha que provar de alguma forma que poderia vencer no Palmeiras. Mas não esperava que fossem me aceitar de uma maneira tão acolhedora. Aquele jogo contra o Juventus (4 x 0, em Ribeirão Preto, pelo Paulistão) e contra o São Paulo (4 x 1, também em Ribeirão, quando inclusive fez um gol de pênalti) certamente estarão marcados para sempre na lista dos melhores da minha carreira, por tudo o que aconteceu. A torcida foi fantástica comigo – lembra Denílson.

O ex-camisa 19 do Verdão, que foi um dos atletas que mais jogou pelo clube em 2008, com 54 partidas -7 gols marcados, também falou sobre o futuro.

Estou vendo algumas propostas da Europa, mas também tenho sondagens e conversas com alguns clubes brasileiros. Estou analisando o que será melhor para mim profissionalmente – conta o jogador.

Via: GloboEsporte.com

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.