Camisas do Palmeiras

De olho na liderança, Palmeiras nega intenção de fugir do São Paulo


31/03 Publicado em Notícias do Palmeiras por Davidson ás 7:11 pm |Permanlink|

Classificação às semifinais assegurada, a missão do Palmeiras na última rodada do Campeonato Paulista é bem clara: bater o Barueri e torcer contra o Guaratinguetá, que irá a Itu encarar o Ituano, para, desta forma, assegurar a primeira colocação na fase classificatória do Estadual.

Garantir o direito de atuar por quatro empates nas semifinais e finais é o objetivo dos jogadores e do técnico Wanderley Luxemburgo, campeão em 2007 com o Santos justamente pela vantagem obtida no regulamento.

Na ocasião, o Peixe desclassificou o Bragantino nas semifinais com dois empates, ambos por 0 a 0, e levantou a taça na decisão contra o São Caetano com uma derrota no primeiro jogo (2 a 0) e uma vitória pelo mesmo placar na partida final.

Nessa reta final, tudo é levado em consideração. O Santos, ano passado, saiu campeão graças a essa vantagem de terminar na primeira colocação”, lembrou Valdívia. “O primeiro objetivo que a gente tinha em mente era entrar no grupo dos quatro. Já classificamos, e agora vamos em busca da primeira colocação. Está difícil, pois o Guaratinguetá tem jogado bem, mas vamos buscar”, completou o “Mago”.

O meia palmeirense negou, no entanto, que a busca incessante pela primeira posição na tabela tenha como motivador extra a fuga de um possível confronto contra o São Paulo já nas semifinais. Isso acontecerá caso o Palmeiras termine em segundo e o time do Morumbi, que tem o Juventus na última rodada da fase classificatória, na terceira posição.

Não estamos fugindo de confronto contra o São Paulo de jeito nenhum, pois confronto vai haver. Se não enfrentar na semifinal e os dois avançarem, vai ter confronto. Não estamos pensando em fugir do São Paulo. Respeitamos todos os times que irão entrar na luta pelo título, como tem sido até agora. A Ponte é forte, o Guaratinguetá é forte e o Corinthians, se entrar, é forte, mas o Palmeiras também será forte”, lembrou.

Opção de banco para Wanderley Luxemburgo, o volante Martinez também negou que o elenco esteja pensando em evitar um reencontro antecipado contra o time do Morumbi, goleado pelo Verdão na fase classificatória por 4 a 1.

Em primeiro lugar, temos que pensar na primeira colocação. Independente de pegar São Paulo, Ponte ou Corinthians, pois os quatro que estiverem classificados é porque fizeram por merecer. Temos de ganhar do Barueri e só depois ver o que aconteceu com o Guaratinguetá. Se eles vão empatar ou não, eu já não sei”, desconversou.

Se pegarmos o São Paulo agora, tudo bem. Se for na final, está bom também. A gente não escolhe adversário aqui no Palmeiras não’, concluiu o ex-capitão.

Vingança? O meia Valdívia não negou, no entanto, que o São Paulo possa estar trabalhando com um sentimento de vingança direcionado ao Verdão para devolver a goleada sofrida no estádio Santa Cruz, no último dia 16.

Se fosse comigo, na minha cabeça estaria um confronto contra esse adversário mais para a frente. Isso comigo. Não sei o que acontece com os demais”, concluiu o “Mago”, autor de um dos três gols de pênalti que ajudaram o Palmeiras a construir a goleada por 4 a 1.

Via: GazetaEsportiva.Net

Leia também:




Home | Site do Palmeiras © 2007 - 2014 - Todos os direitos reservados.